Cisteamina

A cisteamina é um ativo que age como corretor de pigmentos, reduzindo a melanina na epiderme (camada superficial da pele), corrigindo o melasma e a hiperpigmentação pós-inflamatória.

Cisteamina para tratamento do melasma: O tratamento do melasma, desordem pigmentar caraterizada por manchas escuras na pele atinge geralmente a região facial.

Os melanócitos (produtores de melanina) passam a agir de maneira desordenada em quem tem melasma, produzindo pigmento em áreas delimitadas, deixando a pele com um tom desigual, causando impacto negativo sobre a autoestima e a qualidade de vida dos portadores do transtorno.

Uma das novidades para o tratamento do problema é o medicamento cisteamina, lançado no último IMCAS (International Master Course on Aging Skin), um dos maiores congressos de dermatologia, que aconteceu em Paris. A substância é tópica e no Brasil a fórmula é vendida manipulada.

A cisteamina é um ativo que age como corretor de pigmentos, reduzindo a melanina na epiderme (camada superficial da pele), corrigindo o melasma e a hiperpigmentação pós-inflamatória. A cisteamina está presente no organismo humano e sua eficácia tem sido comprovada através de pesquisas científicas, além de ser segura. Ela atua inibindo a produção de melanina.

COMO AGE A CISTEAMINA?

A cisteamina no tratamento do melasma age como antioxidante e aumenta a quantidade de glutadiona dentro da célula. Esse mecanismo ajuda a neutralizar o efeito oxidativo que é intenso dentro do melanócito e devido a essa ação pode provocar clareamento.

A cisteamina deve ser passada 1 x ao dia na pele em toda e não somente no local da mancha e precisa ser retirada com água. A pele não deve ser lavada imediatamente antes do uso da cisteamina que deve permanecer de 30 a 60 minutos e depois enxaguada com água corrente. Ela pode causar alguma irritação e começa a clarear a pele a partir de 30 dias após o início do seu uso.

Além de diminuir o melasma, a substância tem outras vantagens como não ser fotossensibilizante, ou seja, não torna a pele mais sensíveis à luz ou às radiações ultravioleta, sendo bem tolerada pelos pacientes.

Porém, os pacientes precisam se proteger do sol, tanto diretamente quanto indiretamente e usar filtro solar com base, inclusive. Os raios ultravioletas, presentes na luz solar, estimulam a produção de melanina, agravando a situação.

2 Comments

  1. Nice disse:

    Boa tarde! tenho melasma profundo, Já estou usando o cisteamina há dois meses em conjunto com o filtro solar que também clareá Estou começando a ver alguns resultado.

  2. FIT BODY ESTÉTICA disse:

    com certeza e só tende a melhorar 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Em que posso ajudar?
Fit Body Estética agradece seu contato. Em que posso te ajudar? Qual seu nome e sobrenome para adicionar e te passar as informações?